Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

16/10/2017

Vai um limão aí?


Fica a dica pra semana!
Bora, que assim como o limão limpa o sangue, as adversidades da vida também purificam e lapidam a nossa alma, no entanto tudo está na medida das nossas necessidades e forças. 
Deus é Pai! 

Bjo 😘! 

11/10/2017

Eu vou mas já volto!



Dando uma pausa para uma reforminha aqui no blog.

Volto logo!
😘

07/10/2017

Nossa Senhora do Rosário


"Maria apareceu a São Domingos e indicou-lhe o Rosário como potente arma para a conversão.

Esta festa foi instituída pelo Papa Pio V em 1571, quando celebrou-se a vitória dos cristãos na batalha naval de Lepanto. Nesta batalha os cristãos católicos, em meio a recitação do Rosário, resistiram aos ataques dos turcos otomanos vencendo-os em combate.

A celebração de hoje convida-nos à meditação dos Mistérios de Cristo, os quais nos guiam à Encarnação, Paixão, Morte e Ressurreição do Filho de Deus.

A origem do Rosário é muito antiga, pois conta-se que os monges anacoretas usavam pedrinhas para contar o número das orações vocais. Desta forma, nos conventos medievais, os irmãos leigos dispensados da recitação do Saltério (pela pouca familiaridade com o latim), completavam suas práticas de piedade com a recitação de Pai-Nossos e, para a contagem, o Doutor da Igreja São Beda, o Venerável (séc. VII-VIII), havia sugerido a adoção de vários grãos enfiados em um barbante.

Na história também encontramos Maria que apareceu a São Domingos e indicou-lhe o Rosário como potente arma para a conversão: 'Quero que saiba que, a principal peça de combate, tem sido sempre o Saltério Angélico (Rosário) que é a pedra fundamental do Novo Testamento. Assim quero que alcances estas almas endurecidas e as conquiste para Deus, com a oração do meu Saltério'.

Essa devoção, propagada principalmente pelos filhos de São Domingos, recebe da Igreja a melhor aprovação e foi enriquecida por muitas indulgências. Essa grinalda de 200 rosas – por isso Rosário – é rezado praticamente em todas as línguas, e o saudoso Papa João Paulo II e tantos outros Papas que o precederam recomendaram esta singela e poderosa oração, com a qual, por intercessão da Virgem Maria, alcançamos muitas graças de Jesus, como nos ensina a própria Virgem Santíssima em todas as suas aparições".

Fonte: Canção Nova.

Nossa Senhora do Rosário, rogai por nós.

04/10/2017

Como excluir uma conta do Google


Então, de repente, você criou uma conta Google nova, ou, por qualquer outro motivo, deseja simplesmente excluir sua conta Google. É muito fácil fazer isso, porém irreversível, então pense bem antes de o fazer, afinal, se excluir uma conta do Google, você perde tudo relacionado ao Google daquela conta, inclusive o Blogger, Gmail e Google Drive.

Faça login na sua conta Google normalmente, pelo Gmail ou qualquer outro serviço do Google. Clique na miniatura da sua foto no canto superior direito. Depois clique no botão azul "Minha conta".


Você será direcionado a uma página. Encontre o link "Excluir sua conta ou seus serviços" conforme mostra a imagem abaixo.


Na próxima página, bem abaixo, você verá muito claramente a opção de excluir sua conta, contudo vale lembrar que em vez de excluir a conta, você pode excluir apenas alguns serviços/produtos. Mas se você tem mesmo certeza que não usará mais essa conta para nada e deseja excluir, vá em frente e exclua.


Após o seu clique no respectivo link de exclusão no card, será pedido sua senha para confirmação e finalização da ação.

É isso.
Beijoca 😘

03/10/2017

Crise existencial blogueira



Talvez você nunca tenha ouvido falar sobre crise existencial blogueira, mas se você é blogueiro(a) e nunca passou por uma, meus parabéns! Você é um(a)  blogueiro(a) raro(a).

Essa crise tem os mais variados sintomas. Em alguns é aquele bloqueio de semanas ou meses para escrever, em outros é a insatisfação com alguma coisa. Dá uma vontade de desistir de tudo ou recomeçar de outro jeito, em outro lugar, outro título, outro foco, etc.

Semana passada bateu a crise novamente em mim. Só ontem consegui me livrar dela pra valer (espero). Tudo começou porque eu fiquei com vontade de poder curtir cada comentário que chegasse no blog, assim como é possível em blogs do Wordpress. Mas migrar pra lá só por isso, não dá né? Aí coloquei outro sistema de comentários, o Disqus, mas não funcionou a sincronização como deveria, então retirei perdendo os comentários da postagem anterior a esta. 😢

Na verdade, isso tudo é apenas um sintoma da minha crise blogueira, porque já perdi a conta das vezes que fui e voltei do Wordpress.com. Não faz o menor sentido eu ir pra outra plataforma de blogs se meu trabalho é exclusivo para blogs do Blogger. No entanto, o que me fez sossegar mesmo, foi perceber que já criei um vínculo sólido com este blog, apesar dele não ser um megablog e nem ter aquela visibilidade toda, mas está bem organizado e com links ativos em várias outras páginas da web. Trocar o endereço só iria quebrar e desorganizar tudo. Percebi que estou cansada de ir de lá para cá com meu blog, e com isso quem acaba perdendo é apenas eu mesma. Me bateu, então, um carinho diferente por este blog. Um carinho que lembro ter sentido apenas pelo meu primeiro blog criado em abril de 2009, "Luz-em-Flor". Poxa, deu saudade agora.

Toda essa percepção me fez ver que todo tempo e energia que gastamos com algo cria vínculos, que devem ser respeitados na medida que nos fazem bem. Quando quebramos um vínculo saudável, quebramos um pouco de nós mesmos nos tornando menos capazes de criar novos vínculos saudáveis, pois perdemos um pouco do respeito natural por aquilo. Sei disso por experiência.

Quando a crise bater, vale a pena refletir bem (e não por um dia ou dois apenas, viu?), evitar decisões precipitadas e impulsivas, pesar bem os prós e contras, para não meter os pés pelas mãos ou vice-versa. Isso vale para tudo na vida e não só em relação ao nosso blog. 😘