Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

27 de jun de 2016

Ismália

Para glória do Senhor Jesus!

"Quando Ismália enlouqueceu,
Pôs-se na torre a sonhar...
Viu uma lua no céu,
Viu outra lua no mar.

No sonho em que se perdeu,
Banhou-se toda em luar...
Queria subir ao céu,
Queria descer ao mar...

E, no desvario seu,
Na torre pôs-se a cantar...
Estava longe do céu...
Estava longe do mar...

E como um anjo pendeu
As asas para voar...
Queria a lua do céu,
Queria a lua do mar...

As asas que Deus lhe deu
Ruflaram de par em par...
Sua alma, subiu ao céu,
Seu corpo desceu ao mar..."

(Lindo poema de Alphonsus de Guimaraens, porque hoje o dia pede!)
Gratidão
Author Image

Meri Pellens
Cristã, mãe e blogueira com necessidades físicas especiais. Aprendiz e amante viciada de xadrez, busco viver cada dia como único, valorizando todos os momentos com olhos fitos no Senhor. Amo trabalhar com blogs e artes digitais.

6 comentários:

  1. É realmente lindo este poema, Meri.
    Agradeço a sua gentil visitinha, querida
    Um grande abraço e beijinhos de
    Verena e Bichinhos.

    ResponderExcluir
  2. Lindo poema, não conhecia. Adorei,

    ResponderExcluir
  3. Que beleza, um a pérola trouxeste pra compartilhar!!! Adorei e temos dias de Ismália,rs bjs, chica

    ResponderExcluir
  4. É um dos meus poemas favoritos. Seu autor ficou conhecido como o solitário de Mariana, cidade em que viveu. Solitário porque lastimou em versos frequentemente a morte de sua noiva e prima aos 14 anos de idade. Mas não sei não, porque mesmo assim ele se casou, e teve 15 filhos! Não era tão solitário... hehe
    (f)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coitada da esposa, Marcos, apesar de ser mãe dos 15 filhos dele, ficou à sombra da musa falecida do poeta. Ninguém merece.
      :* no S2!

      Excluir
  5. lindo poema de Alfonsos Guimarães: ISMÁLIA.

    ResponderExcluir